domingo, 7 de janeiro de 2018

Sou finalista e não sabia

Calma, é claro que sabia. Mais ou menos, vá. Passo a explicar

Estou no 3º ano de Relações Internacionais, o último ano e, por isso, sou finalista. Mas não me sinto finalista. A maior parte das vezes nem me lembro que sou finalista (normalmente, só me lembro quando vejo alguém a dizer "sou finalista" e eu penso "espera aí... eu também sou!!"). Não sei se é estranho para vocês lerem isto, mas a verdade é que estou no último ano do curso e não sei o que vou fazer depois. Sinto-me como se ainda tivesse no 1º ano. Falta um semestre para ser licenciada e eu continuo tão perdida como quando estava no 10º ano. Lembrei-me disto depois de uma conversa que tive com um tio no Natal.

Vou aqui reproduzir o diálogo:
"- Então já sabes o que vais fazer depois de tirares o curso?
- (ar pensativo)
- Estás a pensar tirar mestrado?
- (ar pensativo)
- Pronto, já vi que não queres. E estágios? Queres estagiar, certo?
- (ar pensativo e perdido)
- Já andaste à procura de estágios bons na tua área?
- (ar pensativo e perdido)
- Olha que já não falta assim tanto tempo para seres licenciada!
- (ar de pessoa aterrorizada)"

E foi isto. Eu com ar de perdida a maior parte da conversa e o meu tio, sem saber, a fazer pressão no meu futuro. A verdade é que falta um semestre para eu ser licenciada e eu não sei o que vou fazer depois. Mestrado está fora de questão, o meu cérebro já não aguenta mais estudar (sabe Deus acabar o curso, quanto mais meter-me num mestrado). Um estágio podia ser uma boa ideia, mas na minha área não há assim tantos (a verdade é que também ainda não procurei bem). E agora? Estou no último ano da licenciatura e ainda não sei o que vou fazer com a minha vida. Gosto de Relações Internacionais, gosto do curso e das cadeiras, mas ainda só tenho 20 anos. Continuo perdida como se tivesse no 9º ano e tivesse de escolher entre Humanidades ou Economia. 

A tudo isto, acresce o facto de eu não estar preparada para entrar no mercado de trabalho. Não sei se isto só acontece comigo, por o meu curso ser muito teórico, mas sinto que, se for já trabalhar, não vou saber fazer nada. E tenho um bocado de receio, confesso. Imaginem o que é ter gasto 3 anos da minha vida e, ao ir trabalhar, descubro que não é disto que gosto. Que não é o que eu estava à espera. Ou que eu simplesmente não tenho jeito. Aaaah, tantas questões na minha cabeça.

Até quando mais vou ter esta sensação de pessoa perdida? Isto passa quando nos tornamos "oficialmente adultos", quando arranjamos um trabalho? Digam-me que sim. Já eu tenho a sensação de que vou andar sempre com ar de "não sei o que estou a fazer" para o resto da minha vida. E não sei se isso é bom ou mau.



Sem comentários:

Enviar um comentário

As séries que ando a ver #4

Agora que já estou mais ou menos habituada ao mundo do trabalho e já tenho as minhas rotinas, já me consigo organizar melhor e fazer com qu...