quarta-feira, 28 de março de 2018

Get Out - Movie36

Antes de mais, dizer que, em Fevereiro, não cumpri o desafio do Movie36 totalmente, visto que só vi dois filmes, quando o propósito é ver, pelo menos, três. Não sei como aconteceu, achava que estava a cumprir tudo direitinho, mas há poucos dias reparei que só tinha visto dois. As minhas desculpas. Este mês, acho que vou conseguir cumprir tudo, apesar de já ser dia 28. No início de Março, falei-vos de Call Me By Your Name, se ainda não viram, não sabem o que estão a perder!

Agora, vamos ao filme de hoje. Como sabem, os Oscars já passaram, mas eu continuo a ver os filmes nomeados. Get Out estava nomeado para melhor filme, melhor actor (Daniel Kaluuya) e melhor realizador (Jordan Peele); acabou por não ganhar nenhuma categoria, mas é um filme muito bom.

"Esta é a história de um jovem afro-americano que vai passar um fim-de-semana com a sua namorada branca à luxuosa propriedade da família desta." A namorada garante que a família é muito liberal, até "Teriam votado no Obama pela terceira vez se pudessem". No entanto, isto não é a típica história de segregação racial e do confronto "brancos vs negros". É muito mais do que isso.

Get Out é uma mistura de thriller com terror, em que o confronto racial é abordado de uma forma bastante surpreendente. Desde o início que as coisas não batem certo, que nós pensamos "isto é tudo muito estranho", o ambiente é constantemente sombrio. Vivemos um terror psicológico, que nos alerta que a história não vai acabar bem e que nos faz temer pelo protagonista.

Não é um filme que precisou de uma produção estonteante e não há interpretações brilhantes, à excepção do Daniel Kaluuya. O realizador afirmou: "Se estás à procura de um filme politicamente correcto, desiste deste" e eu não podia concordar mais. O filme inspira-se na hipocrisia e falso bem-estar que levou à ilusão de que todos "aceitamos" outras raças e não somos preconceituosos, vivida, sobretudo, na era Obama.

Eu aconselho-vos imenso a ver este filme, já que é daqueles que não deixa ninguém indiferente, fazendo-nos sair da nossa zona de conforto e do nosso mundinho e questionar-nos sobre o que nos rodeia.



*Post inserido no projecto Movie36*
A criadora do projecto é a Carolayne "Lyne" Ramos, do blogue "Imperium"
A parceira oficial é a Sofia Costa Lima, do blogue "A Sofia World"
Os restantes participantes:
Inês Vivas, "VIVUS"
Vanessa Moreira, "Make it Flower"
Joana Almeida, "Twice Joaninha"
Joana Sousa, "Jiji"
Alice Ramires, "Senta-te e Respira"
Cherry, "Life of Cherry"
Sónia Pinto, "By the Library"
Francisca Gonçalves, "Apenas Francisca"
Carina Tomaz, "Discolored Winter"
Sofia Ferreira, "Por onde anda a Sofia"
Rosana Vieira, "Automatic Destiny"
Inês Pinto, "Wallflower"
Abby, "Simplicity"

Sem comentários:

Enviar um comentário

Leituras Desassossegadas #25

3 semanas. 4 livros. Todos inseridos no desafio Book Bingo Leituras ao Sol . Já escrevi sobre um deles - V ozes de Chernobyl  - e hoje venh...